Top 4 Motos antigas que ainda valem à pena

Motos antigas que ainda valem à pena – Top 4

Fala pessoal, tudo bem com vocês? Aqui vamos ver uma lista de 5 motos antigas que ainda valem a pena se ter.

Mas antes de começar deixo um aviso: todas as motos desta lista só valem a pena se você as encontrar em bom estado de conservação, dito isso vamos para a lista.

Como toda lista começamos da última para a primeira das melhores opções, então vamos lá.

Veja este conteúdo sobre motos antigas que ainda valem à pena em nosso canal do Youtube.

 

4. Honda Sahara 350

Honda Sahara 350 - Motos Antigas que ainda valem à pena

Apesar de ser a última, não significa que é a pior opção, mas é uma moto que sua manutenção não está tão fácil, fabricada no Brasil de 1993 a 1999 a NX 350 Sahara foi a sucessora da lendária XLX 350.

Por ser uma moto que nos anos 90 pertenceu a um nicho mais caro certas peças de acabamento desta moto são mais difíceis de se encontrar mesmo no mercado paralelo.

Na verdade, a Honda Sahara 350 é uma evolução da XLX 350r, inclusive menos problemática que sua antecessora conta com: partida elétrica, apesar de parecido visualmente o motor é diferente em alguns aspectos, mais eficiente, entrega 31 cv a 7500 rpm, 3,10 kgf.m de torque à 6500 rpm com um câmbio de 6 marchas.

É uma excelente moto, resistente, aguenta muito tranco, porém seus acabamentos e plásticos estão cada vez mais raros, se você encontrar uma em bom estado é uma moto legal, porém de “mais ou menos” para ruim só compensa se você quiser para restaurar.

 

3. Yamaha XT 600E

Yamaha XT 600E - Motos Antigas que ainda compensam
Fabricada no Brasil de 1993 a 2002 a Yamaha XT 600E além de deixar uma legião de fãs é uma excelente moto.

Essa posso falar com propriedade porque tive uma 1994, é uma excelente moto, consegue fornecer um ótimo torque, e sua manutenção é razoavelmente simples por se tratar de um mono cilindro

Essa moto entrega 45cv à 6.500 RPM, e 5,1 kgfm a 5.500 RPM, não espere grandes velocidades desta moto mesmo ela sendo uma 600cc, afinal seu foco é força, é uma Dual Purpose que fornece bom torque e conforto.

Seu consumo médio está na casa dos 18 a 20 km/l estando muito bem regulada, porém, seu maior calcanhar de aquiles não está na parte de performance, mas sim no conforto.

Apesar de ser uma moto de média cilindrada por ser uma dual purpose seu banco é mais duro, e não é tão confortável para viagens mais longos, mas pode ser resolvido com o uso de um banco conforto, ou adição de espuma mais macia.

2. CBX 200 Strada 

Honda CBX 200 Strada - Motos Antigas que ainda valem à pena

A Honda CBX 200 Strada é uma excelente moto para usar, apesar de sua baixa cilindrada, a antecessora da Twister 250 entrega 19 cv a 8.500 RPM e 1,9 Kgfm de torque a 7.000 RPM, inclusive os “relâmpago marquinhos” que preparam CGs amam o carburador desta moto que é à pistonete de 26 mm.

Sua manutenção ainda não é cara, consegue um consumo médio de 25 km/l numa tocada tranquila visto que seu motor entrega um bom torque.

Porém, assim como todas as outras motos desta lista vale à pena se encontrar em bom estado, o que está cada vez mais difícil.

 

1. Honda CG Today 

Honda CG Today - Motos Antigas que ainda valem à pena
Honda CG Today, um modelo de entrada que fez muito sucesso nos anos 90, uma moto bem simples e com manutenção barata.

Essa é uma excelente moto para o dia a dia, apesar de serem modelos mais antigos de 1989 a 1993 são verdadeiros “tanques de guerra”.

Isso mesmo, está nesta lista de motos antigas que ainda valem a pena por possuírem o tradicional motor OHV 125cc, o 11 cv e 0,94 kgfm famoso “varetado” conhecido por sua resistência e economia.

Sua manutenção é bem simples, e o melhor é que é uma das primeiras motos do Brasil de 125cc, não utiliza mais o sistema de platinado.

Além do mais o que faz a CG Today estar na lista de motos antigas que ainda valem à pena é o fato de existir no mercado uma certa facilidade de encontrar peças de acabamento e mecânica principalmente paralelas. 

Se você quer gastar pouco, e ter uma moto antiga, a “todayzinha” pode ser uma excelente, além disso, ela já pode pegar a placa de veículo de colecionador em alguns modelos, a antiga “placa preta”. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *